Alepe elege Mesa Diretora para biênio 2025-26

O presidente da Alepe, deputado Álvaro Porto (PSDB), destacou que o Legislativo tem divergências, mas permanece unido

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
A Alepe já tem a composição da Mesa Diretora para o biênio 2025-2026. Foto: Roberto Soares/Alepe
A Alepe já tem a composição da Mesa Diretora para o biênio 2025-2026. Foto: Roberto Soares/Alepe

Depois de muita polêmica, a eleição antecipada do biênio 2025-2026 da Assembleia Leiglsativa de Pernambuco (Alepe) reconduziu, nesta terça-feira (14/11), os atuais presidente e primeiro secretário, Álvaro Porto (PSDB) e Gustavo Gouveia(SD), respectivamente. Ambos tiveram 40 votos a favor, de um total de 46 presentes. Três deputados faltaram: Rodrigo Farias (PSB), Lula Cabral (SD) e Simone Santana (PSB).

QUÓRUM – Votação teve a presença de 46 parlamentares. Foto: Roberto Soares

O deputado Antônio Moraes (PP) deixou de participar no segundo turno. Este último era o mais descontente com a antecipação do pleito, já que a eleição foi antecipada quando estava ausente numa missão de visita ao Papa Francisco no Vaticano. Moraes, que é presidente da Comissão de Constituição, Legislação e Justiça (CCLJ) teria interesse em se candidatar ao cargo de presidente da Casa de Joaquim Nabuco, mas o trâmite foi realizado antecipadamente pelos deputados.

O presidente da Alepe, deputado Álvaro Porto (PSDB), destacou que o Legislativo tem divergências, mas permanece unido. Foto: Roberto Soares/Alepe

Já o presidente Álvaro Porto disse que a Assembleia atua unida, apesar das discordâncias. “É claro que há discussões e divergências mas, no final, chega-se ao consenso. É o fortalecimento do Legislativo aqui no Estado”, assegurou. Após eleito, o presidente agradeceu a confiança dos pares e garantiu a todos os parlamentares A certeza da continuidade do trabalho que vem sendo realizado.

Gustavo Gouveia foi eleito com 39 votos. Ele destacou “a união dos deputados em torno de um projeto de fortalecimento do Parlamento Estadual”. Também agradeceu aos colegas que abriram mão de candidaturas a cargos da Mesa por entenderem que o consenso manteria a Casa mais unida.


A nova Mesa Diiretora irá comandar a Casa entre 1º de fevereiro de 2025 e 31 de janeiro de 2027:


Presidente – Álvaro Porto (PSDB)
1° vice-presidente – Francismar Pontes (PSB)
2° vice-presidente – Fabrizio Ferraz (SD)

1° secretário – Gustavo Gouveia (SD)
2° secretário – Claudiano Martins FIlho (PP)
3ª secretária – Romero Sales Filho (UB)
4° secretário – Coronel Alberto Feitosa (PL)

1° suplente – Doriel Barros (PT)
2° suplente – Henrique Queiroz Filho (PP)
3° suplente – Pastor Cleiton Collins (PP)
4° suplente – Joel da Harpa (PL)
5° suplente – William Brigido (Republicanos)
6° suplente – Joãozinho Tenório (PRD)
7° suplente – Romero Albuquerque (UB)

Polêmica

Ao final da votação, o deputado Fabrizio Ferraz abraçou o adversário Diogo Moraes. Foto: Roberto Soares/Alepe

A única polêmica aconteceu na disputa particular envolvendo o deputado Diogo Moraes (PSB) e o deputado Fabrizio Ferraz (SD), que bateram chapa pela segunda vice-presidência. Ao final do primeiro turno, foram contados 24 votos para Diogo Moraes, contra 21 de Fabrício Ferraz, além de um voto nulo, o que levou a votação pelo cargo para um segundo turno.

Para se eleger no primeiro turno, Diogo Moraes precisaria de mais um voto, o que poderia ter acontecido se Rodrigo Farias e Simone Santana, ambos correligionários tivessem comparecido ao plenário. Ferraz disse que fez as articulações da noite da segunda-feira para a manhã desta terça.

No segundo turno, Fabrizio Ferraz levou a melhor e ficou com a segunda vice-presidência, por 25 votos a 19.

Leia também:
“Vai ter eleição”, diz Álvaro Porto, presidente da Alepe
Armando Monteiro se filia ao Podemos de olho eleições de 2026 e pauta industrial
Aeroporto de Petrolina receberá investimentos de R$ 56 milhões
Silvio Costa Filho visita Petrolina para lançamento de obras do aeroporto
Dueire e Luciana visitam centro de pesquisas em Campinas
Lula e Humberto debatem crescimento do PT em 2024
João Campos reúne bancada federal e solicita emendas, em Brasília
Governo Federal autoriza duplicação da BR-423 em Pernambuco

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Mais Notícias