Ministro e prefeita confirmam reforma em Aeroporto de Serra Talhada

O ministro Márcio França destacou que o investimento feito em Serra Talhada é uma prioridade para o presidente Lula

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
A prefeita de Serra Talhada, Márcia Conrado (PT) e o ministro dos Portos e Aeroportos, Márcio França. Foto: Divulgação

A prefeita de Serra Talhada, Márcia Conrado (PT), participou, nesta quarta-feira (12), da assinatura do convênio do Governo Federal com a gestão estadual para reforma e ampliação do Aeroporto de Serra Talhada. Os recursos para obras estão estimados em R$ 14, 2 milhões. O ato foi realizado com o ministro dos Portos e Aeroportos, Márcio França, e contou com a presença dos deputados federais Fernando Monteiro (PP), Carlos Veras (PT) e Pedro Campos (PSB) e do deputado estadual Sileno Guedes (PSB).

As obras contemplam a regularização das faixas de pista e áreas de segurança, drenagem, cerca operacional, nova taxiway, novo pátio de aeronaves e acesso viário e estacionamento de veículos.

Os recursos destinados são 100% de origem da União, inclusive da etapa de projetos. De acordo com as previsões do Ministério, a infraestrutura será entregue em perfeitas condições às demandas de operação do aeroporto, conforme planejamento futuro das companhias aéreas em operar jatos para atender a região, como o Embraer 195 E2, com melhoria significativa à segurança operacional.

“Serra Talhada é polo regional no sertão pernambucano, tendo destaque nos setores de saúde, educação, comércio e serviços, influenciando diretamente os municípios em seu entorno. E tivemos essa confirmação com o anúncio desse grande investimento para nossa cidade. Sem dúvida, nossa infraestrutura será muito mais atrativa após a conclusão dessa reforma. Estamos animados e agradecidos ao Governo Federal, na pessoa do presidente Lula, por esse grande presente que chega para Serra Talhada. Além disso, também temos conversado com o Estado sobre a recuperação da rodovia Conselheiro Oliveira Neto, que liga o Aeroporto à Serra Talhada”, afirmou a prefeita Márcia Conrado.

O ministro Márcio França destacou que o investimento feito em Serra Talhada é uma prioridade para o presidente Lula. “Serra Talhada, na entrada do Pajeú, na metade de Pernambuco, é importante e vai ser um dos 100 novos aeroportos a receber a aviação nacional com bastante frequência. Essa é a vontade do presidente Lula. O Brasil votou!”, destacou França.



Centrão


Depois do União Brasil praticamente garantir o ministério do Turismo com deputado Celso Sabino (União-PA) no lugar de Daniela Carneiro, os partidos do chamado centrão continuam buscando espaço no Governo Lula.


Um dos ministérios cobiçados agora é justamente o de Márcio França (Portos e Aerportos), o cargo do ex-governador de São Paulo é cota do PSB. Outro ministério que o centrão também requisita é Ciência e Tecnologia, comandada por Luciana Santos, do PCdoB.


Também já foi colocado na mesa pelo centrão que o ministério dos Esportes, de Ana Moser, também é um dos alvos. Este último já tem até um candidato a sucessor, que seria o deputado federal Silvio Costa Filho (Republicanos-PE).


Já a Embratur, que é dirigida por Marcelo Freixo, do PT, também é pretendida pelo centrão. Os Correios que tem a frente o amigo pessoal de Lula, Fabiano Silva, é considerado inegociável, por enquanto.
Ao que tudo indica, a questão relativa ao Turismo pode ser resolvida ainda nesta semana. Já houve uma saída honrosa da ex-ministra Daniela Carneiro, e as portas estão abertas para Sabino assumir a qualquer momento.


Lula pede tempo para que as demais resoluções sejam aprovadas, o que só deve acontecer entre agosto e setembro.

Em Brasília, vice-prefeita Patrícia de Leno faz articulações para Ipojuca

Vice-prefeita de Ipojuca, Patrícia de Leno (Podemos) e o presidente da Embratur, Marcelo Freixo. Foto: Divulgação.

Vice-prefeita de Ipojuca, Patrícia de Leno (Podemos) teve uma extensa agenda de trabalhos em Brasília esta semana. A gestora se reuniu com os ministros de Pesca e Aquicultura, André de Paula, com a equipe da pasta da Ciência, Tecnologia e Inovação, e com o presidente da Embratur, Marcelo Freixo. Na pauta, articulações e solicitação de investimentos para o município, que tem uma das maiores receitas do Estado. Além disso, também se encontrou com a senadora pernambucana Teresa Leitão (PT).

Em conversa com André de Paula, no Ministério da Pesca e Aquicultura, Patrícia de Leno entregou um projeto voltado para piscicultura, que é a produção de peixes em ambientes controlados, e é uma atividade aquícola que vem crescendo rapidamente no Brasil.

Vice-prefeita de Ipojuca, Patrícia de Leno (Podemos) e o ministro André de Paula. Foto: Divulgação


A gestora também se reuniu com a equipe técnica do Ministério Ciência, Tecnologia e Inovação, onde destacou a importância de Ipojuca em se torna um polo de tecnologia, na perspectiva de transformar a cidade em um ambiente atrativo também nesta área.

Com Marcelo Freixo, a pauta abordou o turismo de Ipojuca, na perspectiva de um futuro planejado e sustentável. “Tivemos importantes encontros com o objetivo de fortalecer e preparar nossa cidade para diversas áreas. Ipojuca tem uma grande importância no cenário econômico estadual e precisar estar em sintonia com o Governo Federal para garantir investimentos para o município”, disse a vice-prefeita.
A pauta das eleições de 2024 também entrou em pauta em reunião com a senadora Teresa Leitão.

Vice-prefeita de Ipojuca, Patrícia de Leno (Podemos) e a senadora Teresa Leitão (PT). Foto: Divulgação

Leia também:
Governo de Pernambuco obtém financiamento de R$ 1,7 bilhão pela Caixa
Porto Digital e Senac lançam bolsas de ensino superior para moradores do Pilar
Silvio Costa Filho pode ser quarto pernambucano nos Ministérios
Danilo Cabral assume a Sudene e quer ampliar diálogo junto aos estados
O preço e o xadrez político da aprovação da reforma tributária
Pernambuco recebe R$ 100,1 milhões da Lei Paulo Gustavo
Lula libera R$ 2,1 bilhões em emendas para aprovar projetos da área econômica

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Mais Notícias