Museu do Porto do Recife será requalificado e aberto ao público

Com investimento acima de R$ 171 mil, o Museu do Porto do Recife se tornará mais um atrativo turístico do Bairro do Recife
O Porto do Recife permitiu a Pernambuco se tornar um grande produtor e exportador de açúcar –
FOTO: www.portodorecife.pe.gov.br


O início das obras para o novo Museu do Porto do Recife foram autorizadas nesta quarta-feira, pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara. Ele será instalado num imóvel adjacente ao prédio da administração, no Bairro do Recife, onde a história do Porto, iniciado em meados do século 16, se mistura à da capital pernambucana.

A requalificação, orçada em mais de R$ 171 mil, deverá estar concluída no final de outubro, tornando o museu um equipamento aberto ao público, a fim de contribuir com o turismo.  “É uma maneira de contar a história de Pernambuco, do Recife e dessa instituição tão importante. Tudo começou aqui e nada mais justo do que resgatar essa memória. Além disso, será mais uma oportunidade para que as pessoas conheçam essa trajetória, fomentando o setor turístico”, afirmou o governador.  

Paulo Câmara, ao centro, na ordem de serviço para as obras que vão garantir o acesso do público ao Museu do Porto do Recife – FOTO: Aluísio Moreira – SEI/PE

A nova estrutura contemplará a mobilidade dos visitantes, com acesso independente da administração, instalações climatizadas e nova rede hidráulica. O presidente do Porto do Recife, Tito Moraes, declara que a iniciativa é um momento marcante e muito celebrado pela comunidade portuária. “Sabemos da importância dos museus para as instituições, e o Porto do Recife carrega muita história. Esta é uma forma de isso ser reconhecido e qualificado”, ressaltou, na assinatura da ordem de serviço, acompanhada pelo coordenador de engenharia do Porto do Recife, Paulo Ramalho, e o chefe de gabinete, Thiago Lima.

Leia também:

Movimentação no Porto do Recife cresce 90% após dragagem

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Notícias

- Publicidade -