quinta-feira, 18/04/2024

Projetos de Maceió e do Ceará são finalistas de prêmio internacional de arquitetura

Marco dos Corais, na orla de Maceió, além do Hospital Veterinário de Juazeiro e da Estação das Artes de Fortaleza concorrem com obras de Portugal e outros estados brasileiros
Marco dos Corais Maceió
O Marco dos Corais foi erguido no local onde funcionava o antigo Iate Club, o Alagoinhas, na orla de Maceió. Foto: Ascom/Setur-AL

Por Vanessa Siqueira, de Alagoas

O projeto do Marco dos Corais, situado no bairro da Ponta Verde em Maceió, avançou para a fase final que elegerá os três melhores projetos arquitetônicos situados em países lusófonos. A premiação realizada pela Arch Daily divulgará os vencedores no dia 4 de abril. Outros dois projetos do Ceará também estão na disputa. A escolha, via voto popular, pode ser feita através do site https://oda.archdaily.com.br/br/2024

- Publicidade -

O projeto alagoano, assinado pelo escritório Angeli Leão, foi eleito entre os 15 finalistas após disputar na categoria Urbanismo com o Mirante do Cabral, situado em Vitória, no Espírito Santo.

O Marco dos Corais foi erguido no local onde funcionava o antigo Iate Club, o Alagoinhas, inaugurado na capital alagoana em 1970. O local era frequentado por sócios e convidados e oferecia um espaço de parque aquático com piscinas, quadra poliesportiva e salão de festas. Ele encerrou suas atividades em 2005 e sofreu 17 anos com o abandono.

Na última fase da premiação, o público escolherá entre os vencedores, que disputaram a preferência do público entre dezenas de projetos brasileiros e de outros países de língua portuguesa.

- Publicidade -

O estado do Ceará concorre com outros dois projetos, a Estação das Artes, um complexo cultural erguido em uma antiga estação ferroviária de Fortaleza. O conjunto acolhe um programa cultural diversificado, composto por zonas de exposição e de performance, auditórios, oficinas e espaços para residências criativas, zonas de acervo e de trabalho documental, biblioteca, um mercado gastronómico, entre muitos outros.

Também na disputa, o Hospital Veterinário de Juazeiro do Norte busca proporcionar conforto térmico no prédio construído na região do Cariri cearense. A cobertura do prédio é sustentada por treliças metálicas e tem uma forma curva, como se fossem várias ondas, com interrupções para permitir a saída do ar quente.

Maceió e Ceará na disputa

Nesta última fase, os projetos nordestinos disputam o pódio com os seguintes projetos. No dia 4 de abril, a organizadora divulgará os três primeiros colocados em seu site.

Projetos finalistas

Casa de Tijolos Brancos – Brasília

Casa Tetos Recordados e Ornamentos Disléxicos – Portugal

Complexo Trabalhista do TRT da 18ª Região – Goiânia

Conjunto Habitacional Heliópolis Gleba G – Fase 2- São Paulo

Edifício Tico Indiana – São Paulo

Estação das Artes – Fortaleza

Marco dos Corais – Maceió

Factory Lisbon – Portugal

Galeria Yayoi Kusama – Instituto Inhotim Minas Gerais

Hospital Veterinário Escola da Unileão – Juazeiro do Norte (CE)

Mátria Parque de Flores – Rio Grande do Sul

Paróquia da Sagrada Família – Brasília

Pavilhão Guaju – Paraná

Restauro da Piscina Coberta Adhemar de Barros – São Paulo

SESI Lab – Brasília

Leia mais: Maceió investirá R$ 8 milhões para requalificar porto como atração turística

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Notícias

- Publicidade -