São João confirma retomada do turismo

Segundo estimativas do Ministério do turismo, o São João deverá movimentar mais de R$ 1 bilhão no Nordeste.

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

Estimativas do Ministério do turismo apontam que o São João deverá movimentar mais de R$ 1 bilhão de reais apenas na região Nordeste. Após dois anos de suspensão das festas, a expectativa para a volta presencial dos festejos juninos em 2022 é grande.

O ministro do Turismo, Carlos Brito pediu que os responsáveis por esses festejos juninos credenciem seus eventos juntos ao Ministério do Turismo para que se possa medira grandeza dessa retomada e o governo pensar em ações que possam auxiliar os realizadores das festas  nos próximos anos.

Caruaru
Foto: Divulgação Prefeitura de Caruaru

Na Bahia, são esperadas 1,5 milhão de pessoas nas festas por todo o estado. A expectativa é grande também para os comerciantes que vendem produtos juninos. No Ceará, a expectativa é que os 150 eventos que acontecem em todo estado movimentem R$ 130 milhões.

Em Sergipe, a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis em Sergipe (ABIH-SE) revela que neste mês de junho o estado já registra alto índice de ocupação. No feriado de Corpus Christi o índice ficou em 78% e na semana de São João a expectativa é de uma ocupação de 90%, com grande perspectiva de chegar bem próximo aos 100%, uma vez que ainda falta uma semana para comemoração do principal santo do ciclo junino e muitas reservas ainda estão sendo fechadas. 

Pernambuco

Mais de 880 mil visitante são esperados no São João de Pernambuco este ano. Essa é a estimativa da Secretaria de Turismo e Lazer do estado. Os números repetem o desempenho de 2019, quando o evento junino movimentou mais de R$ 433 milhões, e confirmam a retomada do turismo.

A expectativa é que a ocupação hoteleira supere os 90% nas dez principais cidades destino e que a permanência média gira em torno de três dias.

O levantamento da Setur-PE estima que a ocupação hoteleira deve chegar a 91% em Caruaru, 90% em Petrolina, 84% em Gravatá e 74% em Arcoverde, estes que são os principais polo de atração de turistas nesta época do ano.

Outros destinos também devem se destacar, como Taquaritinga do Norte (100%), Bezerros (95%) e Bonito (95%). Para aqueles que buscam o sol e mar, Fernando de Noronha aparece com 86,56% e Ipojuca com 90,33%. 

São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Bahia, Alagoas e Estados da Região Sul, como Rio Grande do Sul e Santa Catarina são os principais emissores de turista.

Mas são os pernambucanos que devem tomar conta de festa. Assim como em 2019 – quando mais de 70% dos turistas e excursionistas moravam em Pernambuco- este ano deve se repetir a mesma expectativa.

Entre os emissores internacionais, os argentinos corresponderam a 20%, na liderança, tendo Alemanha, Espanha, França, Portugal e Uruguai na sequência, respondendo por 10%, cada.

Para conhecer mais profundamente o perfil do turista no São João 2022, será realizada ainda a Pesquisa de Contagem de Fluxo Turístico nos desembarques do Aeroporto Internacional do Recife – Gilberto Freyre e no Terminal Integrado de Passageiros (TIP). Embora não realize a festa este ano, a capital pernambucana será estudada por ser a principal porta de entrada de visitantes. 

“É muito importante sabermos exatamente o perfil do turista que procura o Estado para as festividades juninas, por isso fazemos anualmente esta pesquisa; para ter a ideia da origem deles, do tempo de permanência e de quanto gastam no destino, por exemplo. Neste São João da Retomada, apostamos muito na vinda do público de cidades vizinhas e na circulação dos pernambucanos pelos principais polos de animação”, afirma a secretária de Turismo e Lazer de Pernambuco, Milu Megale.

A coleta será realizada também nos quatro principais destinos indutores com festividades juninas: Caruaru, Arcoverde, Gravatá e Petrolina. O levantamento terá uma amostra mínima de 2,5 mil pessoas e irá informar a origem, o destino, o motivo da viagem, a permanência e o gasto médio individual diário dos visitantes. 

“O São João é uma das principais festividades do nosso calendário do turismo e em 2022 está muito aguardado por todos pelo hiato de dois anos sem os festejos. Nossa expectativa é a de que a comemoração volte a estimular a interiorização do turismo”, comenta o presidente da Empetur, Antonio Neves Baptista.

De 23 a 26 de junho, a equipe da Empetur estará em Caruaru, entrevistando o público no Alto do Moura e no Pátio de Eventos. Em Petrolina, no mesmo período, a coleta de informações acontecerá no Pátio de Eventos e no Bodódromo.

Em Arcoverde e Gravatá, a pesquisa acontecerá entre os dias 23 e 25 de junho. Na primeira cidade, o público será entrevistado no Pátio de Eventos e no Alto do Cruzeiro. Já em Gravatá, a ação será no Pátio de Eventos, no Polo Moveleiro e no Mercado Público.

Leia também:

BNB dispõe de R$ 500 milhões para o fomentar o Turismo da alta estação

Movimentação cresce 183% no Aeroporto de Petrolina

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Mais Notícias