terça-feira, 16/04/2024

Suape contrata Infra S.A. para ajudar na expansão do porto

Interessados nos lotes para arrendamento têm até o dia 30 de abril para encaminhar à administração de Suape manifestação de interesse.
Suape
Suape é o 6º maior porto público em movimentação de cargas do País/Foto: divulgação

Após anunciar a disponibilidade de três lotes destinados à construção de novos berços e instalação de novos terminais de granéis líquidos, a direção do Complexo Industrial Portuário de Suape informa que está contrata Infra S.A. para desenvolver estudos para a expansão do porto.

A assinatura do convênio ocorreu durante a 28ª edição da Intermodal South America, um dos mais importantes eventos de logística, transporte de cargas e comércio exterior do continente. O evento segue até quinta-feira (07).

- Publicidade -

A intenção é que a Infra S.A., uma estatal federal, para desenvolver os diagnósticos e relatórios necessários para o arrendamento de terminais localizados no atracadouro.

A assinatura do convênio ocorreu no estande de Suape na feira, com a participação do diretor-presidente de Suape, Marcio Guiot; o diretor de Desenvolvimento e Gestão Portuária, Rinaldo Lira; o diretor-presidente da Infra S.A., Jorge Bastos; e diretor de Planejamento da estatal federal, Cristiano Giustina.

A parceria do Complexo Industrial Portuário de Suape com a Infra S. A. terá duração de quatro anos e inclui estudos de pré-viabilidade para outros terminais. Neste trabalho, será definida qual modalidade de investimento é a mais adequada para cada empreendimento. Dos três lotes disponíveis atualmente para arrendamento, o que integra os Cais 6 e 7 e a retroárea fará parte do pacote de trabalho da Infra S.A.

- Publicidade -

Áreas disponíveis em Suape

Trata-se de uma área greenfield (terreno inexplorado) com disponibilidade de até dois berços com 350 metros de comprimento, somando 30,7 mil metros quadrados. Já a retroárea desse lote tem 206 mil metros quadrados. De acordo com Marcio Guiot, trata-se de um terreno amplo e estratégico, que poderá ter múltiplos usos. “A viabilidade de instalação dos novos cais será garantida com as obras de dragagem dos canais externo (prestes a ser concluída) interno (projeto em andamento). Quando o serviço estiver concluído, o cartão externo terá até 20 metros de profundidade e o interno, 16,2 metros.”, revela.

O diretor-presidente da Infra S.A., Jorge Bastos, destaca que a empresa tem a expertise necessária para atrair os investimentos que vão modernizar o Porto de Suape. “Esse é um movimento importante para que o atracadouro pernambucano se torne cada vez mais competitivo. A qualidade dos estudos da Infra S.A. é reconhecida pelo mercado e resultará em terminais mais modernos e sustentáveis”, pontua. Os outros dois lotes disponibilizados por Suape somam 132,1 mil metros quadrados e são destinados a terminais de granéis líquidos.

Porto de Suape - cais 6 e 7
As áreas a serem arrendadas pelo Porto de Suape estão em locais estratégicos no perímetro do porto organizado, como os cais 6 e 7 (acima). Foto: Divulgação Porto de Suape.

“Grupos empresariais interessados nos lotes para arrendamento têm até o dia 30 de abril deste ano para encaminhar à administração da estatal portuária manifestação de interesse com a finalidade de subsidiar estudo de pré-viabilidade dos empreendimentos. As informações detalhadas referentes às áreas estão disponíveis no site de Suape”, complementa o diretor de Desenvolvimento e Gestão Portuária.

Suape é o 6º porto público mais movimentado do país. Em 2023, o atracadouro registrou movimentação de 23,9 milhões de toneladas, mantendo a liderança nacional em transporte de granéis líquidos dentre os portos públicos e navegação por cabotagem (entre os portos do país), e recorde de movimentação de contêineres no Norte/Nordeste. Os granéis líquidos (derivados de petróleo) representam 72,1% do total de cargas transportadas, seguidos de carga conteinerizada (22,8%), granel sólido (2,7%) e carga geral solta (2,4%).

INFRA S.A.

Vinculada ao Ministério dos Transportes, a Infra S.A. também atua em parceria com o Ministério dos Portos e Aeroportos na estruturação de projetos para o arrendamento de terminais portuários. A empresa realizou estudos que já viabilizaram mais de 40 leilões de terminais portuários. A Infra S.A. é uma empresa pública federal com foco na prestação de serviços de planejamento de longo prazo, estruturação de projetos, engenharia e inovação para o setor de transportes.

Leia também:

Porto de Suape vai arrendar três áreas

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Notícias

- Publicidade -