quinta-feira, 18/04/2024

Produção de açúcar tem alta de 12,4% na safra de cana do NO e NE

Também houve crescimento da produção do álcool hidratado nas duas regiões
O volume de cana-de-açúcar processado nesta safra (23/24) registrou uma alta de 4,7% no Norte e Nordeste. Foto: Pixabay

A produção de açúcar e do álcool hidratado está em alta no Norte e Nordeste nesta safra (23/24). A produção do açúcar apresentou um crescimento de 12,4%, alcançando 3,22 milhões de toneladas contra 2,87 milhões de toneladas registradas na atual safra (23/24), comparando com o mesmo período da temporada anterior, segundo o presidente da Associação de Produtores de Açúcar, Etanol e Bioenergia (NovaBio), Renato Cunha, que também preside o Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool de Pernambuco (Sindaçúcar-PE).

Os números acima foram contabilizados com 87% da safra concluída até o dia 29 de fevereiro, de acordo com a NovaBio no Norte e Nordeste. O açúcar está com o preço valorizado no mercado internacional e as usinas se planejaram para fabricar mais este produto.

- Publicidade -

O mesmo levantamento mostra que a fabricação do biocombustível hidratado, aquele comercializado diretamente nas bombas, cresceu 12,3% nas duas regiões. “Foram produzidos 1,05 bilhão de litros contra 938,8 milhões de litros verificados na segunda quinzena de fevereiro do ano passado”, afirma Renato.

Produção de cana-de-açúcar

O volume de cana-de-açúcar processado aumentou 4,7% na safra 23/24 no Norte e Nordeste, quando se compara aos números verificados até 29 de fevereiro último, com o da moagem passada. Nas duas regiões, a moagem atingiu 55,24 milhões de toneladas ante 52,76 milhões de toneladas fabricadas no mesmo período da safra 22-23. A moagem deve se encerrar em abril.

Já a produção total de etanol, somando o hidratado e o anidro, apresentou leve crescimento até 29 de fevereiro último. As unidades sucroenergéticas do Norte e Nordeste entregaram 2,08 bilhões de litros, quantidade 0,7% superior aos 2,06 bilhões de litros da mesma quinzena na safra anterior. No caso do biocombustível anidro, misturado à gasolina, houve retração de 8,9%, com a produção de 1,02 bilhão de litros.

- Publicidade -

Ainda de acordo com a NovaBio, o estoque físico de etanol, somando o anidro e o hidratado, atingiu 286,5 milhões de litros, volume 17,13% inferior aos 345,7 milhões de litros armazenados na segunda quinzena de fevereiro da safra 22-23.

Leia mais

Atual safra da cana-de-açúcar deve ficar em 14 milhões de toneladas em PE

Rubens Ometto avança com o etanol 2G na transição energética

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Notícias

- Publicidade -