Um Telecom cresce 21%, impulsionada pelo NE

CEO da Um Telecom, Rui Gomes destaca salto no faturamento e Ebitda acima da meta em 2023 e afirma que "a régua subiu em 2024"

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Um Telecom tem previsão de atingir crescimento de 25% em 2024
Um Telecom prevê salto ainda maior no faturamento em 2024, de 25%, segundo o CEO Rui Gomes/Foto: Um Telecom (Divulgação)

A Um Telecom fechou 2023 com um crescimento de 21,4% na receita, que atingiu R$ 87,7 milhões. O CEO e fundador da empresa de infraestrutura e soluções digitais, Rui Gomes, comemora o resultado em relação a 2022 e destaca a participação do Nordeste no avanço dos negócios. Para 2024, ele projeta um salto ainda maior no faturamento, 25%, puxado novamente pelos estados nordestinos.

Na região, um dos principais estados que vêm impulsionando a Um Telecom é Pernambuco, onde a operadora é forte no sistema de Justiça e atende ao Ministério Público Estadual, Tribunal de Justiça (TJPE) e à Defensoria Pública.

Em 2023, a Um Telecom fechou um contrato de R$ 8 milhões com o TJPE. O acordo, válido por 12 meses, prevê a integração, com fibra ótica e satélites de baixa órbita, de toda a rede tribunal em 184 municípios pernambucanos e no arquipélago de Fernando de Noronha.

Com isso, todos os endereços físicos do TJPE estarão conectados em rede de fibra ótica de alta velocidade, com taxas de transmissão a partir de 150 Mbps, podendo chegar a até 5 Gbps.

Um Telecom avança nos setores privado e público

Em 2023, o incremento da receita se deveu à expansão dos contratos tanto nas unidades de negócios que atendem a grandes operadoras de telecomunicações, quanto no núcleo voltado para o setor público, nos três poderes.

O segmento governamental, aliás, vem se destacando como um dos mais promissores no segmento de telecom, devido aos investimentos em aceleração digital, incluindo uso de inteligência artificial, visando melhorar os serviços oferecidos ao cidadão e também a gestão.

“Estamos felizes com os resultados alcançados, e pelo sucesso obtido em virtude de nossa estratégia de agregar valor à conectividade da fibra e diversificar as soluções”, analisa Rui Gomes.

5G alavanca contratos da Um Telecom com operadoras

Duas unidades de negócios se destacaram na performance da Um Telecom no ano passado: carrier e governo.

A unidade carrier reúne os serviços para grandes operadoras de telecomunicações que venceram o leilão de 5G e precisam atender às metas estabelecidas no edital. A Um Telecom foi a responsável pela conexão em fibra das torres de celular 5G, entre outros contratos. O segmento teve um crescimento, na receita da operadora, de 60% em 2023.

A unidade de negócios com governo, embora tenha uma participação menor no faturamento, foi a que registrou maior crescimento. O valor dos contratos passou de R$ 11,7 milhões em 2022 para R$ 21 milhões em 2023, uma variação positiva de 77,1% em relação ao ano anterior.

Rindo à toa: negócios no Nordeste animam diretores da Um Telecom
Reunião de diretoria da Um Telecom: negócios no Nordeste animam os executivos/Foto: Um Telecom (Divulgação)

Ano de estabilidade no segmento de provedores

Já a unidade de provedor se manteve estável na comparação com o ano anterior. Com uma carteira de 330 clientes nesse segmento, distribuídos nos nove estados do Nordeste, a Um Telecom tem uma parceria com o setor, que está no DNA da companhia desde que chegou ao mercado.

Atenta à importância dessa relação, a operadora vem trabalhando para ampliar o cardápio de produtos oferecidos, para além da conectividade.

“Criamos um novo produto muito competitivo, para que os ISPs [internet service provider] oferecessem planos de telefonia móvel no modelo MVNO [mobile virtual network operator]. Foi um sucesso. Já temos cerca de 4 mil chips sendo testados nesse modelo, com preços competitivos”, explica o CEO.

MVNO é a modalidade de negócio em que uma operadora de rede móvel virtual compra os direitos de uso em uma infraestrutura oferecida por uma ou mais de uma operadora de maior porte. 

Além do MVNO, a Um Telecom vem se fortalecendo em soluções para videomonitoramento inteligente. Este serviço transforma imagens em dados e produz relatórios. A demanda vem se ampliando em setores como gestão de pessoas e qualidade e conformidade de produtos no agronegócio e indústria.

Outra área que vem incrementando o uso do serviço é o marketing, que utiliza essa ferramenta para análise do comportamento do consumidor. A Um Telecom atua em todos esses segmentos. Só não trabalha com videomonitoramento em serviços de segurança.

Receita de soluções digitais dobra em relação a 2022

Entre os produtos e serviços oferecidos pela Um Telecom, o principal destaque em 2023 foram as soluções digitais, segmento em que a receita dobrou. “O faturamento passou de R$ 5 milhões em 2022 para R$ 10 milhões“, comemora o CEO e fundador.

“Consideramos o crescimento desse nicho muito significativo e, em 2024, temos a oportunidade de um desempenho ainda melhor, pois vários contratos novos estão em negociação”, detalha Rui Gomes.

Régua sobe em 2024

Depois de um 2023 em que a meta de crescimento de 20% foi superada, Rui Gomes afirma que “a régua subiu em 2024”. “No ano passado, tivemos resultado superior ao planejado tanto no faturamento, quanto no Ebitda [lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização]”. “O planejamento era ousado e fomos além do previsto. Em 2024, dobramos a aposta”, resume.

Para este ano o executivo prevê uma mudança importante na receita da companhia, com a expectativa de que a área de poderes públicos passe a responder pela maior fatia, desbancando as unidades de negócio voltadas para o setor privado.

“Nessa área de poderes públicos, estamos negociando contratos importantes não apenas em Pernambuco mas em outros estados”, ressalta.

Outro marco importante programado para 2024, mas não no caixa, e sim na infraestrutura, é o início da construção do data center próprio da Um Telecom, no Recife. A expectativa é de que a implantação do centro de processamento de dados começe já no primeiro trimestre do ano. A entrada em operação está prevista para 2024. 

Quem é a Um Telecom?

A Um Telecom é uma empresa de infraestrutura de serviços digitais com portfólio variado distribuído em cinco linhas de produtos: computação em nuvem (Cloud), Segurança da Informação, Conectividade, Mobilidade (MVNO) e Serviços Gerenciados.

Fundada em 2010, a companhia, com 20 mil quilômetros de rede de fibra ótica, atende os segmentos de provedores regionais, operadoras de telecomunicações, setor público e consumidores finais corporativos. Sua área de atuação inclui todos os estados do Nordeste, além de São Paulo e Rio de Janeiro.

Leia mais sobre a Um Telecom:

Telecomunicações: Um Telecom fecha contrato de R$ 8 mi com TJPE

Um Telecom chega ao Maranhão e amplia rede no Piauí

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Mais Notícias