BNB alcança marca de R$13 bi em gestão de fundos de investimento

O crescimento no total de ativos geridos pelo BNB, em 2023, é maior do que o alcançado pela indústria dos fundos de investimento.

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Diretor de Ativos de Terceiros do BNB, Thiago Alves Nogueira
Diretor de Ativos de Terceiros do BNB, Thiago Alves Nogueira/Foto: divulgação

O Banco do Nordeste (BNB) acaba de atingir a marca histórica de R$ 13 bilhões em patrimônio líquido de fundos de investimento sob gestão. O anúncio foi feita na tarde desta segunda-feira (22). O BNB é a maior instituição gestora de ativos de terceiros das regiões Norte e Nordeste.

O crescimento de 44,9% no total de ativos geridos pelo banco, em 2023, é maior do que o alcançado pela indústria dos fundos de investimento, que foi de 11,5% no ano, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

Para o diretor de Ativos de Terceiros, Thiago Nogueira, o resultado contribui com a diversificação de receitas, a solidez e a sustentabilidade da Instituição, de forma resiliente, independentemente do cenário econômico. “Importante salientar que o investimento em fundos está atrelado à realização de sonhos, possibilita oportunidade de variação de investimentos e reflete diretamente na jornada do cliente, agregando valor em sua experiência com o Banco”, acrescenta.

O portfólio trabalhado pelo BNB é composto de Fundos de Investimento renda fixa, multimercado e renda variável, podendo assim atender aos diversos tipos de clientes, quer sejam do perfil mais conservador, quer de perfil mais arrojado. A área possui fundos com liquidez diária, atrelados aos benchmarks CDI, IMA-B, IMA-B 5, IRF-M e Ibovespa, para objetivos de curto, médio e longo prazos.

Melhor ano da história do BNB

O ano de 2023 não foi bom para o BNB apenas no setor de fundos de investimentos. No ano passado, o Banco do Nordeste (BNB) consolidou o melhor ano da sua história, alcançando contratações de R$ 38,79 bilhões pelo Fundo Constitucional do Nordeste (FNE) de janeiro último até 30 de novembro de 2023.

O FNE é o principal instrumento do BNB para impulsionar a economia do Nordeste. A meta era chegar nos R$ 38,8 bilhões de contratações no último dia deste ano. O montante contratado é 20% superior às operações de 2022, quando as contratações do FNE ficaram em R$ 32,2 bilhões. Todas as metas do ano foram atingidas até novembro.

Leia também:

BNB tem o melhor ano da história em 2023

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Mais Notícias